Recomendação de leitura: Cobertura das Mudanças Climáticas: Percepções de Fontes de Informação e Jornalistas

A tese discute a cobertura sobre as mudanças climáticas a partir das percepções das fontes de informação e dos jornalistas da Gazeta do Povo. O texto aborda a produção noticiosa de um tema que abrange múltiplas escalas, incertezas e riscos pouco tangíveis para a população. Apresenta uma análise de conteúdo das entrevistas com os envolvidos nesta produção. Os resultados mostram que a necessidade de relações entre local e global e uma perspectiva preventiva são reconhecidas, embora a lógica jornalística e o perfil generalista dos jornalistas os induzam a escrever notícias mais pontuais.

Autora: Eloisa Beling Loose

Ano: 2017

Disponível aqui

Eloisa Beling Loose é pesquisadora na área de comunicação e meio ambiente. Pós-doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS (2018), com bolsa Capes. Graduada em Comunicação Social – habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Maria – UFSM (2007), mestre em Comunicação e Informação pela UFRGS (2010) e doutora em Meio Ambiente e Desenvolvimento pela Universidade Federal do Paraná – UFPR (2016). Recebeu o Prêmio Capes 2017 pela melhor tese na área de Ciências Ambientais. Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Jornalismo Científico e Ambiental, atuando principalmente nos seguintes temas: jornalismo ambiental, jornalismo científico, comunicação de riscos, revistas especializadas e aspectos da interface entre meio ambiente e comunicação. É vice-líder do Grupo de Pesquisa Jornalismo Ambiental (CNPq/UFRGS). Atualmente é doutoranda em Comunicação na UFRGS e pesquisa as relações entre jornalismo, mudanças climáticas e suas formas de enfrentamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *